A conferência “O Mutualismo na nova Europa social” abre a jornada evocativa do Dia Nacional do Mutualismo.

No contexto de uma pandemia e de uma guerra, o plano de ação para o Pilar Europeu dos Direitos Sociais ganhou uma dimensão e uma emergência ainda mais significativas.

A solidariedade europeia é colocada à prova, porque um continente que quer ser uma referência na concretização dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, não pode deixar ninguém para trás, num cenário tão difícil e complexo.

Que papel caberá ao mutualismo nesta nova Europa Social? Como se deverá posicionar enquanto mecanismo complementar de previdência e proteção social? Que contributo poderá dar o mutualismo para que a UE e os seus Estados Membros garantam aos cidadãos o acesso atempado a cuidados de saúde de qualidade? Em que medida as associações mutualistas poderão contribuir positivamente para um bem-sucedido processo de acolhimento e integração de migrantes? Como poderá o mutualismo ser uma janela de esperança para os jovens portugueses e europeus?

Um leque de oradores de excelência assegura abordagens diversificadas e de grande qualidade.